Telefone: 13 3878-8400  |  E-mail: consultoria@creditoemercado.com.br

Consultoria em Investimentos

Mercado reduz, pela oitava semana seguida, projeção para a inflação de 2012.

Pela oitava semana seguida os analistas das instituições financeiras reduziram a sua projeção para a variação do IPCA – Índice Nacional de Preços ao Mercado Amplo de 2012. Assim o mercado estima que o índice oficial de inflação do governo caia de 5,30% para 5,29%%. A estimativa foi divulgada nesta segunda-feira, 23/01, através do Focus – Relatório de Mercado. Documento que tem origem em pesquisa junto 100 instituições financeiras. Para 2013, a estimativa dos economistas do mercado para o IPCA permaneceu em 5,00%.

Inflação de curto prazo

Para a inflação dos meses de janeiro e fevereiro, os analistas dos bancos projetam elevação do IPCA em janeiro, de 0,57% para 0,58. Para o próximo mês a estimativa caiu de 0,59% para 0,58%.

Taxa de juros e cambio

Com a redução da taxa básica de juros para 10,50% ao ano pelo COPOM – Comitê de Politica Monetária do Banco Central, o mercado financeiro manteve a projeção de que a taxa de juros deverá passar por nova redução nas próximas reuniões do comitê da autoridade monetária em 2012.

A estimativa e de que os juros básicos da economia encerrem o ano em  9,5% ao ano, mesmo patamar da semana passada, logo o mercado espera novos cortes de 0,5 ponto percentual nos encontros que acontecem em março e abril deste ano. Entretanto, os analistas das instituições financeiras esperam alta da taxa básica de juros em 2013 – pois, a projeção para o próximo ano é de que os juros encerrem o ano em 10,25% ao ano.

Para a taxa de cambio, a projeção dos economistas do mercado financeiro para de 2012 permaneceu em R$ 1,78 por dólar. Para 2013, a estimativa ficou  em R$ 1,75 por dólar, ou seja, não houve alteração da expectativa dos agentes do mercado financeiro.

PIB

Os economistas do mercado financeiro mantiveram a sua projeção para o crescimento da economia brasileira medida pelo PIB – Produto Interno Bruto de 2012 em 3,27%. Para 2013, a projeção do crescimento econômico, foi elevada de  4,20% para 4,25%.

Balança de Pagamentos e IED

Para o saldo da balança comercial brasileira os analistas do mercado financeiro projetam superávit em 2012. No entender dos analistas o saldo positivo da balança comercial deve subir de US$ 19,1 bilhões para US$ 19,6 bilhões. Para 2013, a projeção do mercado para o superávit balança comercial subiu de US$ 14 bilhões para US$ 14,5 bilhões.

Em relação aos IED – Investimentos Estrangeiros Diretos no Brasil, os analistas dos bancos mantiveram a sua estimativa no mesmo patamar da semana anterior, ou seja, saldo positivo de US$ 55 bilhões. Para 2013, a estimativa do mercado financeiro  para a entrada de recursos vindos do exterior recuou de US$ 54,6 bilhões para US$ 54 bilhões.

Deixe um Comentário

Repetir o Post