Telefone: 13 3878-8400  |  E-mail: consultoria@creditoemercado.com.br

Consultoria em InvestimentosConsultoria em Investimentos

maio 23rd, 2012

Mercado reduz projeção para a inflação medida pelo IPCA em 2012

O Relatório de Mercado – Focus, divulgado nesta segunda-feira, 21/05, revela que os analistas das instituições financeiras mantiveram a sua estimativa em relação a taxa de juros da economia, porém reduziram a estimativa de crescimento da economia de 3,20% para 3,09%.

Para o próximo ano, a estimativa para o crescimento do PIB foi elevado pelo mercado de 4,30% para 4,50%.

A alteração da percepção dos analistas do mercado financeiro em relação ao crescimento da economia ocorre em função da publicação, dia 18/05, do IBC-Br, Índice de Atividade Econômica do Banco Central, um indicador indicado que tem por objetivo tentar antever o resultado do PIB pela autoridade monetária. Em março, o índice registrou, recuo pelo terceiro mês consecutivo, registrando -0,35%, no acumulado dos primeiros três meses de 2012, apontou crescimento de 0,15% em relação aos três meses anteriores, mostrando uma desaceleração.

Inflação e cambio

Em relação ao IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo de 2012, os analistas das instituições financeiros reduziram a sua estimativa de 5,22% para 5,21%. Para 2013, a projeção para o IPCA foi elevada de 5,53% para 5,60%.

A estimativa do mercado financeiro para a taxa de câmbio em 2012 continuou em R$ 1,85 por dólar. Para o próximo ano, a estimativa permaneceu estável em R$ 1,85.

Inflação de curto prazo

O mercado financeiro manteve a sua projeção para a inflação de maio medida pelo IPCA em 0,50%. Entretanto, para o índice de inflação de junho os analistas dos bancos reduziram a sua estimativa de 0,27% para 0,26%.

Taxa de juros

Os economistas dos bancos mantiveram a sua projeção de corte de 0,5 ponto percentual na taxa básica de juros da economia, neste caso a Selic cairia de 9% para 8,5% ao ano na reunião do Copom em maio.

Para o encerramento de 2012, a estimativa dos economistas dos bancos para a taxa básica de juros permaneceu em 8,00% ao ano. Para 2013, o mercado financeiro reduziu a estimativa para a taxa Selic de 9,75% para 9,5% ao ano. Mesmo com a redução da estimativa para os juros no ano quem vem, o mercado continua apostando em uma elevação na taxa básica de juros.

Balanço de pagamentos e IED

O mercado financeiro projeta evolução do superávit da balança comercial para 2012 de US$ 19,22 para US$ 20 bilhões. Para 2013, a estimativa dos analistas do mercado para o saldo da balança comercial subiu de US$ 14,9 bilhões para US$ 15 bilhões.

Em relação aos IED – Investimentos Estrangeiros Diretos no Brasil, o mercado financeiro projeta queda de US$ 55,7 bilhões para US$ 55 bilhões. Para 2013, a estimativa para a entrada de recursos estrangeiros subiu de US$ 57 bilhões para US$ 58,3 bilhões.