Telefone: 13 3878-8400  |  E-mail: consultoria@creditoemercado.com.br

Consultoria em Investimentos

janeiro 10th, 2011

O mercado hoje

Nesta manhã o euro é cotado a US$ 1,2906/€, com depreciação de 0,02%, sendo que frente à moeda japonesa atinge ¥ 107,35/€ (-0,05%). No mercado de ações  quedas : Londres -0,27%; França -1,04% e Alemanha -0,32%.

Na China, a bolsa de Shangai recuou 1,66%, enquanto Hong Kong registrou perdas de 0,67%. No Japão, bolsas não operaram por conta do feriado.

Os índices futuros das bolsas norte-americanas, S&P e D&J, seguem os mercados europeus, registrando quedas de 0,50% e 0,32%, respectivamente. No mercado de commodities, a petróleo sobe 0,90%, sendo cotado a US$ 88,81/barril, enquanto o índice CRB de commodities recua 0,35%, refletindo a queda nas commodities metálicas. O índice CRB Food registra alta de 1,19%, nesta manhã.

A primeira prévia do IGP-M de janeiro registrou inflação de 0,42%, com forte desaceleração ante a igual prévia de dezembro (0,75%). No mercado de câmbio, a tendência de valorização do dólar americano frente às principais moedas, neste momento, antecipa provável depreciação do real no dia de hoje. O Ibovespa pode ser favorecido pelo melhor desempenho de algumas commodities, esperamos hoje bons resultados para as ações brasileiras.

Mercado eleva projeção para inflação de 2011

O mercado financeiro voltou a elevar, a sua estimativa para o IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo  de 2011, cuja projeção subiu de 5,32% para 5,34%, conforme divulgado segunda-feira 10/01, por intermédio do relatório de mercado, Focus.

Com esta, é a quinta semana seguida que os analistas do mercado financeiro elevam  sua estimativa para a inflação deste ano.

Como informamos, a política monetária no Brasil adota  o sistema de metas, pelo qual o Bacen deve ajustar os juros para atingir a meta de inflação pré-estabelecida. Para 2011 e 2012, a meta central de inflação é de 4,5%, com um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo.

Deste modo, o IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo pode estar entre 2,5% e 6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida. Com isso, a estimativa do mercado está acima da meta central para 2011, porém dentro do intervalo de tolerância de dois pontos percentuais.

Taxa de juros

Os analistas do mercado financeiro continuam projetam que o COPOM – Comitê de Política Monetária, para conter as pressões inflacionárias,   deverá elevar a taxa básica da, já na primeira reunião sob o comando de Alexandre Tombini, que acontece nos dias 18 e 19 de janeiro. Hoje, os juros básicos da economia, Selic, estão em 10,75% ao ano. A expectativa dos economistas do mercado financeiro é de que os juros sejam elevados para 11,25% ao ano em janeiro e que encerrem 2011 em 12,25% ao ano.

PIB

Os analistas do mercado financeiro mantiveram, a sua projeção para o crescimento do PIB -Produto Interno Bruto  de 2011 estável em 4,5%. Para 2012, a estimativa do mercado é de crescimento da economia brasileira de também em 4,5%.

A estimativa do mercado financeiro para a taxa de câmbio ao fim de 2011 continuou inalterada em R$ 1,75 por dólar. Para o encerramento de 2012, a expectativa do mercado para a taxa de câmbio ficou estável em R$ 1,80 por dólar.

Balança comercial
A estimativa do mercado financeiro para  a balança comercial, exportações menos importações, para 2011 é de elevação do superávit de US$ 8 bilhões para US$ 8,75 bilhões na semana anterior.

Para 2012, a estimativa dos analistas do mercado financeiro para o saldo da balança comercial ficou estável US$ 5 bilhões de superávit.

Em relação ao IED – Investimentos Estrangeiros Diretos, a projeção do mercado para a entrada de recursos para 2011 foi elevada de US$ 39,5 bilhões para US$ 40 bilhões. Para 2012, a estimativa de entrada de investimentos no Brasil continuou em US$ 42 bilhões.